18/11/2008

Criolo Doido - Ainda há tempo



Mc produtor, compositor e interprete Kleber Gomes contribui com a cena Hip-Hop desde 1989.
Mais conhecido como Criolo Doido, foi fundador da Rinha dos Mcs, evento que já passou da marca de 80 edições e promove o encontro entre os artistas da comunidade do Grajaú e do Iporanga, bairros do extremo sul de São Paulo.Desde 2006 o evento reúne a arte do Hip Hop, onde são realizadas exposições de artistas plásticos, grafitti, fotografia e, o principal, a rinha - a batalha de Mc’s.
Hoje a Rinha é conhecida em toda São Paulo por oferecer aos seus visitantes um espaço de troca de conhecimentos e por valorizar os artistas da periferia.
De empacotador das lojas americanas à interprete de Vinicius de Moraes, Criolo hoje é educador de rua e trabalha diretamente com crianças e adolescentes em situação de risco social.
Por 4 anos, foi professor de artes da rede publica de ensino do Estado de São Paulo e, posteriormente, durante cinco anos, desenvolveu atividades em oficinas de teatro . Para o artista estas atividades foram importantes, porém secundarias. “Nasci MC, e como qualquer pessoa neste país, tive que sobreviver de alguma forma”.Por sua atuação junto aos bairros, Criolo Doido foi convidado para participar do programa Central da Periferia, junto com grandes nomes das artes de seu estado.
Sua mais recente aparição na TV foi no programa “Som Brasil especial Vinicius de Moraes” sendo o único a poder compor e adicionar suas rimas nas obras do grande poeta brasileiro. Este trabalho será distribuído para a Europa e Japão.
“Se não fosse o rap, isto não teria acontecido!”, afirma Criolo Doido.
Este ano Criolo Doido foi indicado ao prêmio Hutuz 2007, importante evento responsável por reunir os principais talentos da cena Hip Hop que mais se destacaram em 2006/07.
Dentre as diversas categorias Criolo concorre a artista revelação e artista solo/grupo


Discografia


O MC Criolo Doido, em seu excelente CD “Ainda há tempo”, fala sobre os problemas urbanos e o teste diário que cada indivíduo da periferia tem que se submeter.
“Ainda há tempo” tem bases com linhas de baixo que salientam as letras.
Com um vocal diferenciado (lamento e atitude blues) estimula a reflexão até a tensão total, Criolo Doido rima a esperança e a amizade.
“Vocês querem tirar sarro da auto-estima dos irmãos”
São 22 faixas que falam sobre a inveja num mundo competitivo e a banalização da violência, o MC destila o amor e o respeito por nossa história.
Participação nos CDs:
Sombra e bastardo a dupla
Snj - O show deve continuar
Pacto latino: Primeiro grupo de rap, no Brasil (1994), que mesclou o rap com ritmos de origem latina.
Participa do Novo cd do grupo Pentágono, que também fazem parte da organização da Rinha dos Mcs.

Um comentário:

gustavopio2 disse...

Mano Sabotage,
Sabe onde eu consigo o filme L.A.P.A?
Tentei de tudo que foi jeito na Net mas não consegui